Banner
DiviNews Moda Geral Demetrius, ex-prefeito de Divinópolis, e servidores, além de empreiteiros e funcionário da Caixa são indiciados pela PF - Atual prefeito com foro privilegiado será encaminhado para MPF
Seg, 04 de Julho de 2016 08:54 - Atualizado ( Qui, 07 de Julho de 2016 13:56 )

Demetrius, ex-prefeito de Divinópolis, e servidores, além de empreiteiros e funcionário da Caixa são indiciados pela PF - Atual prefeito com foro privilegiado será encaminhado para MPF

DiviNews
 A Policia Federal, como já agendado para esta segunda-feira (04), em entrevista coletiva, através do presidente do inquérito 370/2013, o Delegado Federal Benício Cabral, da PF em Divinópolis indiciou o ex-prefeito Demétrius Arantes Pereira, e citou também o nome de Vladimir Azevedo, contudo, sem indiciá-lo, por ele ter foro privilegiado como prefeito, além dos  ex-servidores públicos municipais, Lucio Espíndola, Kelsen Rios, Cleber Evangelista, Gilber Alves Bernardo, João Evangelista, Mauri Menezes  – Também  os empresários, José Alberto Correia Moreira (CONSERVA); Flávio Henrique Anunciação, Ricardo Lima Bento Filho (LIBE), Gustavo Alberto Parreira Canaverde, José Henrique Curi (SABRE), Apion Sólon, Agta Sólon. - Além do funcionário da Caixa Economica Federal, Romulo Martins de Freitas, que era o Superintendente Regional da instituição financeira na época - O delegado afirmou que havia uma verdadeira quadrilha instalada na Prefeitura de Divinópolis, sendo que o grande mentor e espinha dorsal de todo esquema era Lúcio Espindola. Benicio Cabral. Disse que nas oitivas todos afirmavam não saber de nada, eram verdadeiros anjinhos, negavam qualquer participação e desconheciam irregularidades que estava mais do que evidenciadas - Benicio (Delegado Federal), avaliou como estranho que o ex-prefeito Demétrius Arantes, mesmo sabendo do histórico de Lúcio Espindola no município de Ouro Preto, onde já respondia processo, mesmo assim o contratou. E mais estranho ainda que o atual prefeito Vladimir Azevedo, tivesse continuado com ele em seu governo e ainda o promoveu, pois anteriormente ele era o gerente do PAC e na administração de Vladimir ele passou a ser superintendente da Usina de Projetos  – De forma bem resumida e simples, o fato é que na administração do ex-prefeito Demetrius Arantes, existia um contrato de Apenas R$ 6 milhões com o Estado de Minas. Lucio engenhosamente resolveu turbinar o contrato, com isso inseriram, uma verba federal, oriunda do PAC SANEAMENTO de R$ 46 milhões, sem que fosse feita nenhuma licitação. O pior é que os recursos não foram usados para o seu objetivo final que seria o asfaltamento de diversos bairros. Segundo o Delegado, em entrevista realizada com o Divinews, no passado. O entendimento da planilha de asfaltamento era muito difícil de ser compreendida. Isso por que os bairros que estavam no planejamento, foram alterados para outros, e na hora da execução também não eram os que foram alterados, também eram outros – A responsabilização da Caixa Econômica foi por sua omissão de fiscalização, que começou com o ex-superintendente Romulo Martins, que fez vistas grossas para as irregularidades. Contudo, embora não tenha sido indiciado, a omissão passou também pelo substituto de Romulo, Constantino Dias Neto, que chegou a ser transferido para Belo Horizonte, e foi rebaixado do seu cargo, de superintendente  passando a ser um funcionário normal do banco  - O Divinews publica matérias sobre o caso desde  2013, quando da denúncia anônima que foi feita por um servidor público municipal, na época em que as investigações ainda estavam em poder do Ministério Público Federal, com a procuradora Luciana Furtado, que posteriormente foi transferida para o Espirito Santos, e passou as investigações para a Policia Federal e o Delegado escolhido por Daniel Sousa, chefe da Delegacia da PF em Divinópolis, foi Benicio Cabral, por ser considerado um profissional meticuloso em investigações -- Agora, conforme o Delegado Federal (Benicio), o processo será devolvido para o Ministério Público Federal, que formaliza a denúncia para a Justiça, que é quem julgará a culpabilidade dos 15 citados, além da recomendação de que o atual prefeito por ter foro privilegiado seja investigado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) - Veja em breve, outras matérias sobre a entrevista de Benicio nesta segunda (04)


   
   



Links de matérias relacionadas

DELEGADO Federal conclui diligências sobre Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em Divinópolis – Porém, MPF “SEGURA” 

PF interroga ex-prefeito de Divinópolis, Demétrius Arantes (PT) e ouvirá o atual Vladimir Azevedo (PSDB) no IPL-370/2013

PF por determinação de Brasília, intima 13 pessoas suspeitas de irregularidades em obras do PAC em DIVINÓPOLIS 

O ESTRANHO CASO DO PAC EM DIVINÓPOLIS: Marcelo Bonfim, superintendente da CAIXA, diz que liberação do Copacabana foi um erro – O Divinews: perguntou onde está todo dinheiro? 

Delegado Federal diz que excessos de inquéritos atrapalham investigações do PAC DIVINOPOLIS 

Delegado de Policia Federal quer encerrar investigações do PAC em Divinópolis nos primeiros meses de 2015 

EXCLUSIVO: Relatório de Demandas Externas da Controladoria Geral da União (CGU) explicita claramente irregularidades em obras do PAC em Divinópolis 

DINHEIRO PÚBLICO NO LIXO: depois de mais R$ 120 mil reais de salário pagos secretários suspeitos no caso do PAC são exonerados 

ENTREVISTA: Delegado da PF pode propor Delação Premiada para investigados do CASO PAC – Dárcio Abud Lemos e Lucio Espínola 

Delegado da Policia Federal em Divinópolis coordena a segurança da seleção chilena na Copa do Mundo 



MINISTERIO PÚBLICO FEDERAL: Procuradora pede remoção de Divinópolis – Seguem investigações sobre obras do PAC

CASO IMPEACHMENT PREFEITO DE DIVINOPOLIS-MG:Frente Popular entrega Onze mil assinaturas no MPF 

Processo do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) concluso para parecer final da Procuradora Federal 

Contatos com o Divinews: WhatsApp 9 99265523 ou e-mail
divinews.jornal@hotmail.com ainda inbox www.facebook.com/geraldodivinewsdivinews 

Procuradora da República quebra sigilo do processo de denúncia de irregularidades no PAC Saneamento em Divinópolis 

IRREGULARIDADES NO PAC: MPF requisita instauração de inquérito na PF contra Prefeito de Divinópolis-MG, Vladimir Azevedo (PSDB) e outros... 

Divinópolis: Procuradora instaura inquérito policial para apurar “possiveis” crimes envolvendo as administrações de Demétrius e Vladimir 

“XIITAS DENUNCIAM TUDO, ATÉ POLÍCIA FEDERAL”: Ministério Público quis continuar com poder de investigação, mas transfere processos para PF 

Rodyson do Zé Milton (PSDB) ignora alerta do MPF sobre prováveis irregularidades na Prefeitura de Divinópolis e não instaura C.P.I. 

ENTREVISTA: Delegado da PF pode propor Delação Premiada para investigados do CASO PAC – Dárcio Abud Lemos e Lucio Espínola 



Imprimir E-mail PDF
Comente esta notícia
Busca RSS
anônimo  - obras do pac   |2016-08-03 16:41:58
DIVINEWS como andam as investigações sobre desvio verbas do pac.?população pede atualização das denúncias e nomes dos envolvidos com punição exemplar da justiça.
Escrever um comentário
Nome:
E-mail:
 
Website:
Título: