Banner
DiviNews Minas Gerais Geral Nomeado por Pimentel, de uma lista tríplice, o novo procurador-geral de Justiça de Minas Gerais
Ter, 22 de Novembro de 2016 10:10 - Atualizado ( Qua, 23 de Novembro de 2016 13:54 )

Nomeado por Pimentel, de uma lista tríplice, o novo procurador-geral de Justiça de Minas Gerais

DiviNews
O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, nomeou o procurador de Justiça Antônio Sérgio Tonet para o cargo de procurador-geral de Justiça para o biênio 2017/2018. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado, do dia 19 de novembro - Tonet obteve 562 votos na eleição realizada no último dia 11, compondo a lista tríplice enviada ao governador com os também procuradores de Justiça Jarbas Soares Júnior e Waldemar Antônio de Arimatéia - A posse do novo procurador-geral de Justiça está prevista para o dia 5 de dezembro. Ele substituirá Carlos André Mariani Bittencourt, no cargo desde dezembro de 2012 - Antônio Sérgio Tonet: Natural de Adamantina, ingressou no Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) por concurso público em dezembro de 1986, tendo atuado nas comarcas de Rio Paranaíba, Frutal, Contagem e Belo Horizonte. Exerceu a função de chefe de gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça entre 2001 e 2004 - Promovido a procurador de Justiça em 2002, foi eleito para integrar o Conselho Superior do MPMG nos anos de 2006, 2008, 2011 e 2014. Foi ainda assessor especial da Procuradoria-Geral de Justiça. Compôs a Câmara de Procuradores de Justiça nos biênios 2009/2010 e 2014/2016 - Exerceu diversas funções na Associação Mineira do Ministério Público. Foi eleito pelo Conselho Curador da Fundação Escola Superior do Ministério Público para exercer as funções de diretor-presidente da instituição (2013/2017), cargo ao qual renunciou, em agosto último, para se dedicar à campanha eleitoral para o cargo de procurador-geral de Justiça – O atual procurador, que deixa o cargo, foi nomeado ainda na gestão tucana do PP, do ex-governador Alberto Pinto Coelho, que substituiu Antônio Anastasia para concorrer a uma vaga do Senado, e foi eleito – Lembrando que a lista tríplice que é apresentada para o Governador, com os três mais votados, ele tem a opção de escolher um dos nomes. Contudo, normalmente, dentro do processo democrático e republicano, e também para não desagradar o órgão ministerial, normalmente ele escolhe o nome mais votado.


Imprimir E-mail PDF
Comente esta notícia
Busca RSS
Anônimo   |2016-11-23 06:59:59
AÉCIO TA DESESPERADO PARA CASSAR PIMENTEL COITADO TRES DERROTAS É MINAS PRA UM SUJEITO QUE DIZIA QUE ERA ACOSTUMADO A GANHAR DO PT.GANHAR SÓ SE FOR PRA CHUTAR PÓ.
servidor   |2016-11-22 16:09:25
O Pimentel vai ser cassado
Escrever um comentário
Nome:
E-mail:
 
Website:
Título: