Banner
DiviNews Cidade Cultura

Cidade - Notícias I

Legislativo e Executivo de Divinópolis, em fim de festa é só desânimo

Legislativo e Executivo de Divinópolis, em fim de festa é só desânimo Tanto o Poder Legislativo, leia-se os vereadores, principalmente a maioria que não foi reeleita, está em uma lastimável e profunda tristeza, uma “paradeza”. Nas sessões ordinárias, os projetos pautados numericamente são insignificantes e qualitativamente irrelevantes para a cidade e a sociedade. Os pronunciamentos, exceto de um ou outro vereador são sofríveis, se bem que…. – Não foi por falta de aviso, os sinais que eles receberam da população e ignoraram solenemente, não deram a mínima para a vontade popular em votar ou não votar determinados projetos. Seguiram fiel a vontade do Executivo na votação de muitas matérias contrariando os seus eleitores – Começaram a se queimar com a população, já no primeiro dia da atual legislatura, em 1º de janeiro de 2013, quando em uma sessão realizada no Teatro Gravatá, todos, com algumas exceções, votaram favoráveis a venda de 243 imóveis do município, e a partir de então seguiram votando com o Executivo. Somente no final de 2015, um ou outro vereador começou a se rebelar, e se comportar como oposição. Contudo, a maioria seguiu na base do governo, acreditando que alguns calçamentos de ruas, uma obrinha aqui, outra ali, conseguiriam salvá-los da derrocada nas urnas – Hoje estão lá, desanimados, sem vontade de fazer sequer um “pronunciamentozinho”. Como ocorreu na sessão ordinária da última terça-feira (08), que não tinha um único edil inscrito para usar a Tribuna- A pauta de votação de matérias também é sofrível, existem sessões que não existe um único projeto para ser discutido, quando aparece, é um, dois, três ou estourando quatro projetos – Perderam até a fome, agora comem apenas pão de queijo com um cafezinho magro, e bebem água. Acabaram os salgadinhos, refrigerantes, suco. – Já no Executivo, até mesmo o telefone geral, toca, toca, toca e demoram a atender. E achar um secretário, ou um servidor de segundo escalão, em início e fim de expediente, tá difícil – Mal comparando, parece fim de festa. As mulheres já desceram dos sapatos altos, se foi o glamour do início em que estavam todas estilosas e comportadas, agora já estão com o cabelo em desalinho, descalças com os sapatos nas mãos, alegres além da conta, dançando sem ligar mais para as aparências. Os homens já tiraram as gravatas, o paletó, também “alegrinhos”, acham que dançam bem, e se aventuram em dançar rock, funk, etc. Se bem que, no fundo estão todos descarregando a tensão, por que não sabem o dia de amanhã, principalmente os que ocupam cargos políticos, de livre nomeação – Uma outra comparação é com fim de feira, a hora de xepa, em que os feirantes querem mais é ir embora, e os xepeiros chegam para comprar frutas, verduras e hortaliças tudo ruim, amassadas, murchas, até estragadas. Assim está o clima nas duas casas – E para completar o desanimo, não sabem nem a quem pedir emprego, até então o ator principal está com uma pendenga na justiça, se assume ou não assume. A turma que migra de um governo para o outro, está ainda mais angustiada, ante a possibilidade de ficar desempregada.

Atualizado ( Qui, 10 de Novembro de 2016 12:14 )

Leia mais...
 

Vereador agenda reunião para discutir OCUPAÇÃO NAS ESCOLAS e denúncias de apologia da IDEOLOGIA DE GÊNERO

Vereador agenda  reunião para discutir OCUPAÇÃO NAS ESCOLAS e denúncias de apologia da IDEOLOGIA DE GÊNERO O vereador Marcos Vinicius (PROS), explicou que tomou a iniciativa de realizar uma reunião na Câmara, nesta quarta-feira (09) às 17 horas por ter sido provocado pela sociedade civil organizada, incluindo professores, alunos, advogados que procuraram po...

Atualizado ( Qua, 09 de Novembro de 2016 16:24 )

Leia mais...

Prefeitura de Divinópolis emite nota sobre pagamento dos servidores públicos do municipio

Prefeitura de Divinópolis emite nota sobre pagamento dos servidores públicos do municipio Comunicado aos servidores:  "A Prefeitura de Divinópolis comunica aos servidores que diante das dificuldades financeiras, resultado da crise econômica brasileira, manterá o escalonamento dos salários referentes ao mês de outubro, como forma de ga...

Atualizado ( Sáb, 05 de Novembro de 2016 20:35 )

Leia mais...

Justiça Federal nega pedido do MPF para adiar provas do #Enem

Justiça Federal nega pedido do MPF para adiar provas do #Enem A juíza federal Elise Avesque Frota, substituta da 8ª Vara Federal do Ceará, negou, na tarde desta quinta-feira (3), pedido de liminar feito pelo Ministério Público Federal (MPF) para suspender o Enem(Exame Nacional do Ensino Médio) 2016 - Na q...

Atualizado ( Sex, 04 de Novembro de 2016 20:27 )

Leia mais...

Para 70% dos brasileiros, policiais cometem excessos de violência

Para 70% dos brasileiros, policiais cometem excessos de violência De acordo com uma pesquisa nacional divulgada nesta quarta-feira (2), aponta que 70% da população sente que as polícias cometem excessos de violência no exercício da função. O percentual sobe entre jovens com idade entre 16 e 24 anos, chegando a 75...

Atualizado ( Qua, 02 de Novembro de 2016 19:35 )

Leia mais...
JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL