Voos comerciais da Azul devem retornar ao Aeroporto Brigadeiro Cabral em Divinópolis em 40 dias, diz Grupo Gestor


Segundo informações da Assessoria de Imprensa da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Divinópolis (ACID), o “Grupo Gestor” está comemorando o retorno das atividades do Aeroporto Brigadeiro Cabral em Divinópolis, com o reinício dos voos comerciais no máximo dentro de 40 dias –  Após várias reuniões dos membros do grupo Gestor com a Prefeitura, e intensas negociações do prefeito de Divinópolis, Galileu Teixeira Machado, e do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, José Alonso, será firmado um contrato com a nova empresa gestora do Aeroporto Brigadeiro Cabral, com assinatura prevista para a próxima quinta-feira.

Assim que surgiu o impasse entre a Socicam, administradora aeroportuária e a Prefeitura de Divinópolis, ocorrendo a suspensão dos vôos das linhas Divinópolis / Campinas / Divinópolis operada pela Azul, as entidades de classe empresariais, juntamente com alguns empresários buscaram uma alternativa para que o serviço tivesse continuidade.

O prefeito de Divinópolis e o secretário municipal de desenvolvimento encontraram uma solução para os voos comerciais e, dentro de 40 dias, a Azul deverá operar normalmente.

Será firmado entre a Prefeitura, empresários e o Grupo Gestor, um convênio, onde a iniciativa privada repassará R$55.000,00 mensais para a nova empresa responsável pela gestão do aeroporto.

A Prefeitura arcará com R$42.000,00 (o mesmo valor pago à Emop). No contrato com a Socicam, a Prefeitura pagava R$168.000,00, o que representará uma economia mensal de R$126.000,00 e, anual de R$1.512.000,00, para os cofres do município.

Vale destacar o empenho do prefeito Galileu Teixeira Machado e do secretário de desenvolvimento José Alonso para encontrar uma solução que irá tranquilizar vários usuários e trazer muitos benefícios para empresários e para o município.

“Reconhecemos o esforço da administração municipal em prol do desenvolvimento econômico de Divinópolis e torcemos para que, em breve, o Aeroporto Brigadeiro Cabral tenha outras opções de voos para vários destinos.”, enfatiza Léo Gabriel, membro do Grupo Gestor e Presidente da Acid, que desde o mês de março vem tentando uma alternativa viável para a retomada dos voos.

Os demais líderes do Grupo Gestor, presentes na reunião, Eduardo Augusto Nunes Soares, Irajá Nogueira e Marcus Vinicius, também enfatizaram a importância da parceria. Benefícios para a economia do interior.

O Grupo Gestor está atento para que os voos voltem a operar normalmente, facilitando o transporte de pessoas e, também a oportunidade de negócios entre empresas locais e regionais, uma vez que Divinópolis polariza a região Centro-oeste que é uma das regiões mais segmentadas do Estado em termos de arranjos produtivos e é, também, polo de saúde. Temos polo de fogos de artifício em Santo Antônio do Monte, fundição em Divinópolis, Itaúna e Cláudio, móveis em Carmo do Cajuru, calçados em Nova Serrana, cerâmica em Igaratinga, siderúrgica e confecção em Divinópolis.

Quando se pensa em toda a pujança que existe nesta região, a integração com outros municípios e qualquer parte do Brasil e do mundo, irá beneficiar e muito o desenvolvimento regional.

Atualmente, com grandes demandas, os voos serão facilitadores de grandes negócios e deslocamento. Todo processo de desenvolvimento passa inevitavelmente pela logística, eliminação de gargalos. Uma vez que você reduz o tempo de deslocamento, a possibilidade de gerar novos negócios, o acesso de outros empreendedores virem para a nossa cidade fazer negócios conosco, é muito maior. O transporte de órgãos também é um importante serviço que os voos oferecem permitindo a rapidez e segurança necessárias, por meio do MG Transplantes que, muitas vezes utiliza o aeroporto para voos noturnos.

 

7 comentários em “Voos comerciais da Azul devem retornar ao Aeroporto Brigadeiro Cabral em Divinópolis em 40 dias, diz Grupo Gestor

  • 20 de julho de 2018 em 08:25
    Permalink

    Firmaram o acordo ontem? Ao que parece, vai ser difícil a Azul voltar, eles tem uma ‘parceria’ com a Socicam.
    Acho muito válido a iniciativa privada querer ajudar, mas provavelmente farão algumas exigências/regalias.
    Deveriam ter solucionado isso lá no início em 2015, quando a Socicam iniciou as atividades, tentando um valor mais baixo.
    Sou esperançoso, mas acho que esse problema está longe de acabar.
    Divinópolis perdeu muito, todos os voos que eu peguei tinham lotação boa e toda a galera fazendo conexão em VCP, embarcando para outros destinos.

    Resposta
  • 19 de julho de 2018 em 16:57
    Permalink

    Até que enfim uma boa noticia! Parabéns a todos que colaboraram! E que a iniciativa prospere, mesmo com a turminha do contra que anda por aí!

    Resposta
    • 20 de julho de 2018 em 08:27
      Permalink

      os piores são aqueles que falam: ”gastar dinheiro com aeroporto? Melhor gastar com saúde, educação” AFFF
      Não entendem nada.

      Resposta
  • 19 de julho de 2018 em 13:48
    Permalink

    Não fazem mais que obrigação …

    Resposta
  • 18 de julho de 2018 em 17:09
    Permalink

    Muito bom já estava fazendo falta.e uma cidade do porte de divinopolis tem sim que ir pra frente e não retroagir como estávamos fazendo.

    Resposta
  • 17 de julho de 2018 em 22:30
    Permalink

    Parabéns aos gestores que organizaram a nova gestão do Aeroporto Brigadeiro Cabral – Patrimônio de Divinópolis – MG.
    A porta para o desenvolvimento de Divinópolis e Região Voltou.

    Resposta
  • 17 de julho de 2018 em 19:56
    Permalink

    Uma boa notícia para toda a região Centro Oeste.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.