Romeu Zema (NOVO) lança pré-candidatura ao Governo de Minas e diz que é a favor de vender tudo, Copasa, Cemig e outras estatais mineiras


O tão aguardado lançamento, pelos empresários mineiros, da pré-candidatura de Romeu Zema, ocorreu nesta última segunda-feira (12), ocasião em que ele deu uma declaração bombástica, que é a favor da privatização de empresas públicas do Estado, como a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) e a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). De acordo com o Jornal O tempo, o empresário afirmou que outros postulantes ao Palácio da Liberdade representam a velha política.

Zema e João Amoêdo, que é o nome da legenda para a disputa pela Presidência, também conversaram com a imprensa na tarde de segunda-feira, em um restaurante na região Centro-Sul de Belo Horizonte, antes do evento que lançou o pré-candidato do partido no Estado.

Romeu Zema explicou que é favorável à privatização das duas empresas, porque, no entendimento dele, a gestão privada faz melhorias “de modo inquestionável”. “Dentro do melhor critério, no momento certo, com transparência, de forma que o consumidor não seja vítima de um eventual monopólio. Se for possível dividir essas empresas em duas, e elas passarem no futuro a serem remuneradas de acordo com a eficiência da menor tarifa, de um modo que seja benéfico ao consumidor”, explicou Zema.

O empresário, no entanto, rechaçou o processo de privatização pelo qual passa a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig). De acordo com Romeu Zema, a estatal não é uma empresa, mas sim uma recebedora de royalties. “Até me deixa assustado, porque o Estado teve que criar uma empresa para receber royalties, já que poderia ser um setor da Secretaria da Fazenda. Mas como o governo gosta muito de criar cargos e benesses, criaram a Codemig. É como se privatizassem a Secretaria da Fazenda, receitas futuras. É um absurdo”, disse.

O presidenciável João Amoêdo explicou que uma das principais bandeiras da sigla é a máquina pública menor. “O Estado não deveria fazer entrega de correspondência, exploração de petróleo, administração de postos de gasolina ou de empresas financeiras. Isso deveria ser feito pela iniciativa privada, já que é uma questão que só beneficia alguns políticos que utilizam a máquina para indicações”, declarou.

Administração. Sobre a gestão do governador Fernando Pimentel (PT), o pré-candidato declarou que as contas públicas, por si só, demonstram que é “um desastre”. “Ele aumentou os impostos e nem por isso temos as contas equilibradas”, avaliou Zema, completando que não vai fazer promessas durante a campanha. O empresário explica que já é um grande avanço se comprometer com o plano de pagar em dia todos os servidores. “Então, seria impossível pensar em investimentos relevantes num momento como esse”, acrescentou.

Zema também disse que está aberto a dialogar com outros pré-candidatos ao Executivo. Contudo, ressaltou que eles pensam diferente em temas como, por exemplo, o tamanho da máquina pública. “Todos eles têm em comum o fato de participarem da velha política e eu gosto muito de dizer o seguinte: quem vem do velho dificilmente vai fazer o novo. Não foi quem fabricava lamparina que inventou a lâmpada elétrica. E não foi quem fabricava carruagem que inventou o carro. Não vão ser esses políticos que já estão aí que vão conseguir mudar o que precisamos porque, de certa maneira, a visão deles está limitada ao que eles vivem lá dentro”, disparou.

Frases de Romeu Zema

“O que me deixa com receio são pessoas que trabalham mais do que eu e isso eu não estou vendo em nenhum candidato.”

“Está tudo atrasado, apesar dele (Pimentel) estar onerando a população mais do que os demais Estados.”

“Será que as estatais são benefícios para a população ou só para os políticos? Não houve o ‘valezão’ porque a Vale foi privatizada.”

 

 

7 comentários em “Romeu Zema (NOVO) lança pré-candidatura ao Governo de Minas e diz que é a favor de vender tudo, Copasa, Cemig e outras estatais mineiras

  • 15 de março de 2018 em 13:45
    Permalink

    Por que esse site é tão tendencioso e não publica ou exclui comentários que vão contra seua ideologia/anseios ?

    Resposta
  • 15 de março de 2018 em 10:35
    Permalink

    Esse imbecil por acaso conhece a politica de beneficio cruzado da Copasa que beneficia cidades pobres que não dão lucro pra empresa ? Sabe sobre o processo de reestatização que ocorre no mundo quanto ao tratamento de àgua ? àgua é um bem essencial, não pode ser usada como bem privado .

    Resposta
  • 14 de março de 2018 em 13:16
    Permalink

    meu sonho, se eu ainda for vivo,gostaria, de ver, um pre candidato,que traz este discurso, e realmente, aplicar este descurso na pratica.

    Resposta
  • 13 de março de 2018 em 22:02
    Permalink

    Até que enfim apareceu um administrador para Minas.
    Empresa pública só serve para ser saqueadas por políticos.

    Resposta
  • 13 de março de 2018 em 21:56
    Permalink

    Agora sim, uma pessoa correta e integra como candidato a governador do estado.

    Resposta
  • 13 de março de 2018 em 21:51
    Permalink

    Tá certinho e tem meu apoio e de toda minha família

    Resposta
  • 13 de março de 2018 em 21:50
    Permalink

    Taiobeiras fechado com Romeu Zema #Novo30

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.