Bispo Dom José Carlos lança Campanha da CNBB, “Fraternidade e Superação da Violência” criticando a ineficiência do Estado; e a imprensa


Em entrevista coletiva concedida na manhã desta quarta-feira (14), no Centro Diocesano de Pastoral da Diocese de Divinópolis, o Bispo Dom José Carlos, lançou oficialmente a Campanha da Fraternidade 2018, da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), que este ano tem como tema “Fraternidade e Superação da Violência” – Dom José Carlos não economizou críticas ao Estado, por sua ineficiência “em se tratando de proteção dos cidadãos”. Considerou como ineficiência grava do judiciário que mais da metade da população carcerária do Brasil não ter se apresentado ainda diante de um Juiz, por estarem presos sem julgamento. Lamentou ainda que pessoas que cometeram crimes de menor potencial, como exemplo uma que não tenha pago uma pensão alimentícia seja misturado com bandidos de alta periculosidade. Dom José considera também que as forças policiais e o judiciário precisam de mudanças.

Não poupou de críticas também a mídia, dizendo que muitas vezes é a própria imprensa que ensina o bandido a fazer, e disse “Onde está o limite, entre informar e ensinar a fazer – Até onde vai o limite de informar e prestar um serviço, ou um desserviço, uma publicidade desnecessária” – O Bispo falou também do comportamento dos cidadãos que provocam uma violência desnecessária, citando como um dos exemplos a violência no trânsito que poderia ser evitada, se as pessoas não bebessem demais. “A convivência Humana não se constrói com violência”. Deus não nos colocou no mundo como rivais, mas como irmãos. A partir de Jesus temos que conviver bem e não praticar a violência”. Dom José Carlos finalizou afirmando taxativamente que a “Violência é um mal social”  

Durante a entrevista, Geraldo, da equipe permanente da fraternidade, explicou que 40% do que é arrecadado com a campanha, vai para a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) e 60% fica com a Diocese de Divinópolis que a direciona para projetos sociais, que neste ano, parte será direcionada para a construção da APAC (Associação de Proteção e Assistência a Condenados) outra vai para a Federação das PAC´s e o restante dos recursos vai ser direcionado para outros projetos.

O Bispo Dom José Carlos, sobre o tema, falou com exclusividade para o Divinews. Veja o vídeo

Veja a apresentação da Campanha, feita pelo Bispo, na íntegra

Entrevista para os meios de comunicação presentes na coletiva

 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.