Gerente da UPA Padre Roberto denuncia irregularidades no MP e é demitido


Segundo informações de uma fonte do Divinews, o funcionário da Santa Casa de Misericórdia de Formiga, José Orlando, agora narrado pelo próprio,. afirmou que no final do mês de setembro, inicio de outubro fez uma denúncia no Ministério Público, e no dia 9 foi demitido. Informou ainda que, quando estava no posto o Promotor de Justiça Gilberto Osório, enviou um oficio para a UPA, solicitando uma série de informações sobre o contrato da OS (Organização Social) Santa Casa de Misericórdia, que gerencia a UPA Padre Roberto, como exemplo citou alguns itens pedido do promotor: quantos funcionários, quantos médicos, pacientes, etc – Conforme o Divinews apurou, agora com fontes de informações, e não por ele, a denúncia feita por José Orlando envolve a aplicação de recursos recebidos pelo município para a administração  e que foram usados com finalidades diferentes a que foram recebidos. Os documentos das denúncias estão em poder da própria administração municipal e do Ministério Público – A fonte informou ainda que já teria chegado um oficio do MP à UPA solicitando mais  informações, sobre dados técnicos do contrato entre a Santa Casa e a Prefeitura de Divinópolis, além de informações de atendimentos de pacientes e fluxo financeiro dos recursos recebido O Divinews verificou a informação com fonte do governo, que confirmou o fato, porém pediu para não ser identificado. 

 

5 comentários em “Gerente da UPA Padre Roberto denuncia irregularidades no MP e é demitido

  • 15 de novembro de 2017 em 06:51
    Permalink

    Não tenho mais nada pra ver, cada dia que passa nossa saúde fica pior do que está, pessoas jogadas em corredores como um draste, quanta falta de respeito com as pessoas doentes, que deveriam ter um mínimo de conforto nestes locais que foram montados com o nosso dinheiro, é revoltante.

    Resposta
  • 14 de novembro de 2017 em 17:51
    Permalink

    A prefeitura de Divinopolis deveria se responsabilizar pela UPA e tratar com dignidade

    Resposta
  • 14 de novembro de 2017 em 07:01
    Permalink

    Quanta mentira! Deveriam se informar antes de publicar qualquer informação assim!

    Resposta
    • 17 de novembro de 2017 em 21:51
      Permalink

      Você tá recebendo quanto pra deixar comentários como esse?????????

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.