UPA será mais rigorosa na aplicação do Protocolo de Manchester, diz Lobão, diretor técnico


Segundo o diretor técnico da Unidade de Pronto Atendimento – UPA Padre Roberto, Marco Aurélio Lobão, a partir da próxima segunda-feira (09), a triagem dos usuários da unidade hospitalar, através do Protocolo de Manchester será mais rigorosa na aplicação desta metodologia de atendimento. Conforme Lobão, o que ocorre é que está existindo muita flexibilização no atendimento dos pacientes que poderiam ser atendidos pelos postos de saúde, por apresentarem um quadro de saúde que não é preciso demandar a UPA, pois são casos de atenção primária. Ainda conforme o diretor técnico, a intensão é realmente esvaziar a UPA para sua vocação original, o atendimento 24 horas como porta de entrada, quando necessário, para os hospitais da região. Os pacientes passarão por uma triagem e se não for caracterizado como atendimento de urgência, serão encaminhados para os postos de saúde – Porém quando os postos de saúde não estiverem funcionando, como exemplo, citou os fins de semana, ou o médico do posto entender que o atendimento é de urgência, “claro que o paciente será atendido, não ficará em hipótese nenhuma sem atendimento”, afirmou

Marco Aurélio Lobão, diz não acreditar que os atendimentos, em qualquer tempo, possam ser paralisados na UPA. Mesmo diante da reunião do CRM que está prevista para ocorrer no próximo dia 19, com indicação de intervenção médica. Sempre haverá espaço para o diálogo entre as partes envolvidas. Não se pode parar os atendimentos de emergência e urgência. Mas a própria população precisa se conscientizar de procurar a UPA somente em casos de emergência.

A entrevista coletiva de Lobão foi convocada um dia após, o secretário de saúde, Rogério Barbieri, também ter concedido uma coletiva no centro administrativo, tendo também como tema o atendimento na UPA.

Saiba o que é, e como funciona o Protocolo de Manchester 

Um comentário em “UPA será mais rigorosa na aplicação do Protocolo de Manchester, diz Lobão, diretor técnico

  • 8 de outubro de 2017 em 17:59
    Permalink

    Mais a população não entende:Se vc classificar alguém como azul pode se preparar para receber ameaças e xingamentos.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.