Mulher é presa por suspeita de vender pela internet medicamentos controlados


No último dia 27/09, policiais da 161ª Cia da PM em Campo Belo, cumpriu um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça numa residência localizada no Bairro Bela Vista, haja vista o recebimento de uma denúncia de venda irregular de medicamentos.

Segundo o denunciante, uma mulher estaria vendendo caixas de medicamento controlado, pela internet, especificamente através do facebook, ato considerado ilegal segundo normas da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o que pode, em alguns casos, ser considerado inclusive, como crime de tráfico de droga – Durante as buscas na residência foram apreendidas 03 (três) caixas do medicamento Amoxilina (Clavulanato de Potássio), os quais estavam sendo oferecidos pela internet. Uma mulher de 35 anos foi presa – A suspeita alegou ter comprado o medicamento, mas como não o usou, tentou efetuar a devolução em uma farmácia, que por sua vez não quis receber o medicamento de volta e para não ter prejuízos, optou por divulgar a venda.

Ela foi conduzida para a Delegacia de Polícia, sendo registrada a ocorrência policial – A Polícia orienta sobre tal prática, pois a venda de medica medicamento controlado, seja pela internet ou através de estabelecimentos, sem a devida prescrição médica ou receita é considerado prática ilegal pela Anvisa, bem como pode ser enquadrada, conforme as substâncias, como tráfico de drogas com penas que variam entre 5 a 15 anos de prisão.

Núcleo de Comunicação Organizacional

PMMG – 161ª Cia PM

CAMPO BELO/MG

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.